Pr Silas Malafaia esclarece, que não tem pretensão de ocupar cargo público
27/06/2011 - 14:52
 
 
No dia da Marcha Para Jesus, que aconteceu dia 21 de junho agora, onde o pastor Silas Malafaia, da Igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo, participou e se manifestou mais uma vez sobre a questão dos homossexuais, conforme reportagem do Jornal Folha de São Paulo, declarou o seguinte: "o STF (Supremo Tribunal Federal) rasgou a Constituição ao permitir a união entre homossexuais e liberar a Marcha da Maconha.
 
"Se governador, prefeito e presidente for contra a família, não vai ter o nosso voto. Se amanhã alguém quiser fazer a marcha a favor da pedofilia, vai pode fazer", disse Malafaia. "Não estamos querendo fundar o Estado evangélico", reiterou.
 
Bastou para que pelas redes sociais, e principalmente no Twitter, fosse lançada sua candidatura a presidência da república, onde até um cartaz simples apareceu na Marcha.
 
Diante disto, o JORNAL EVANGÉLICO, entrou em contato com o Pr. Silas Malafaia, que declarou.
 
Não tenho pretensão alguma de ocupar cargo político. Esse boato surgiu durante a Marcha para Jesus em São Paulo, na última quinta-feira, 23 de junho. No meio da multidão, alguém exibiu um cartaz em que sugeria a minha candidatura para presidente da República. A pessoa que fez isto tem de fazer humor. É uma piada.
 
O pastor que entra na política deixa de atender o todo para ser parte.
 
 
Não esqueça de comentar
 
Pesquise em nosso Acervo
 
Leia também
 
 
Publicidade
 
Em cima da Hora
  Haddad visita Cohab em SP e promete construir 500 mil casas
O candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, disse hoje (13), em visita ao conjunt
 
  Clube de Campo tem programação especial para as crianças
A garotada terá vários brinquedos para se divertir, entre eles pula-pula de Jacaré, casinha inflável
 
  Carlos Cezar terá seu terceiro mandato como deputado em SP
Formado em Direito, Carlos Cezar já foi vereador de Sorocaba no ano de 2004 e, em 2008, reelegeu-se
 

 

© 2016 JE - Jornal Evangélico - O Jornal Evangélico é uma publicação Interdenominacional.
Todos os direitos reservados.